SIM NEWS

CONHEÇA RAIDOL, O REPRESENTANTE PARAENSE NO PITCH DE NOVOS ARTISTAS

Nascido em uma família de artistas, com o pai violonista, a mãe dançarina e avó cantora de rádio, Raidol viveu imerso em arte. Através da vitrola de seus avós e das tardes de domingo regadas a música, entrou em contato desde cedo com uma variedade imensa de artistas.

O primeiro trabalho solo, Raidol, foi lançado em 2018 e teve uma calorosa recepção do público que desde então passou a lotar as apresentações do artista no circuito independente de Belém (PA). Esse primeiro EP hoje acumula mais de 80 mil plays no Spotify. Em 2019 Raidol lançou mais dois trabalhos, o EP denominado Força das Águas e o single Pra te ver passar, em parceria com o paraense Yuri Reiner. Nesse mesmo ano participou de festivais importantes como o Floresta Sonora, Festival 020 e se apresentou na festa de lançamento do line up do Festival Psica.

A música de Raidol traz timbres orgânicos comuns a música paraense e aos terreiros de umbanda, que frequentou durante toda a vida unidos à guitarras suingadas e um beat envolvente criando um pop paraense moderno e conectado. Em 2020 lançou o single Cai Fora, composto em parceria com Juliana Sinimbú e o EP Envolvência. Neste ano Raidol lançou um single e um clipe da música Derreto & evaporo, em parceria com Kikito.

Entre os 18 selecionados para o Pitch de novas Bandas, Raidol é o único paraense: “Ser o único artista selecionado do Pará é uma honra e uma responsabilidade gigantesca, por estar representando uma cena autoral expressiva e que está em plena ebulição”, diz o artista que conta como recebeu a notícia: “Eu estava jantando com uns amigos, quando recebi uma notificação no instagram. Ao abrir a pré-visualização, li : SIM São Paulo marcou você em uma publicação. De primeira não acreditei, meus amigos fizeram um escândalo no restaurante e acabei pedindo um bom negroni pra comemorar! É uma realização pessoal ter sido aprovado ao lado de artistas que eu realmente sou muito fã, como Tagua Tagua e Kaê Guajajara, mas estou focado nas oportunidades de negócio que podem surgir a partir do pitch. Saber que vários players da música brasileira estão de olho nessa fina seleção de artistas me empolga, e se for possível levar minha música para novos lugares, criar novas conexões, nada me faria mais feliz e realizado.”

Empolgado Raidol fala sobre sua apresentação diante da banca avaliadora: “Pretendo aplicar alguns dos conhecimentos que adquiri no incrível projeto de mentoria do festival Se Rasgum, onde fui selecionado junto com outros 9 artistas amazônidas e que fez eu mudar completamente a forma que enxergo minha carreira. Eu mesmo editei um vídeo que reúne parte da minha videografia e duas apresentações ao vivo que marcaram o início dessa trajetória que venho trilhando com minha equipe. Quero entregar tudo! Maquiagem, figurino, direção de arte… Tudo feito com muito amor, verdade e carinho” E completa com uma relexão: “Escolher ser artista no Brasil em 2021 é um ato de resistência, e é fantástico que a SIM se proponha a atenuar as dificuldades de acesso a indústria musical. Penso que para artistas como eu, que querem viver da sua própria música, não existe uma oportunidade mais valiosa do que esse pitch.”

Desejamos boa sorte ao Raidol!

Ouça mais músicas do Raidol aqui:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Categorias:
,

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ SIM NEWS

pt_BRPortuguês do Brasil