SIM NEWS

MARINA PERALTA, A VOZ DO CENTRO-OESTE NO PITCH DE NOVOS ARTISTAS

Nascida e criada em Campo Grande (MS), Marina Peralta cresceu ouvindo polcas paraguaias, música do país nativo de seus pai e avós, além de muito samba e música brasileira e os louvores da igreja, onde passou a infância e adolescência.

Marina conta que ganhou o primeiro violão aos 12 anos de idade, mas não gostou do presente. “ Queria uma bicicleta. Mas foi esse o impulso pras primeiras composições. Passei a gravar vídeos, tocar nas rodas de violão e criar novas músicas. Toquei na igreja, ruas, escolas, universidades e bares, até ganhar meu primeiro Festival da Canção em 2013, o que aumentou minha visibilidade no estado do MS”.

Sempre antenada em novidades, conheceu outros gêneros musicais que foram determinantes em sua vida: “Um divisor de águas na minha adolescência foi o Rap, que me ensinou sobre a música enquanto ferramenta de denúncia, informação e resistência dos guetos e periferias, onde eu estava localizada na minha cidade também. Quando eu conheço a música reggae, sinto uma fusão que me arrebata, pois ali havia a união dessa resistência com espiritualidade e esperança”, conta ela, que hoje musicalmente transita entre todos esses gêneros e também o jazz.

2014 foi um ano especial para Marina pois, além de começar a viajar com sua banda por todo o país, realizou um vídeo despretensioso da música Agradece, que acabou viralizando nas redes sociais e fazendo com que muita gente conhecesse seu trabalho. Hoje em dia esse vídeo já conta com mais de 3 milhões de views. Dois anos depois Marina lança seu primeiro álbum, cujo título é o mesmo da música. Nesse período Marina participou ativamente de Movimentos Estudantis, movimentos feministas, culturais e de luta pela terra, onde amadurece politicamente e deixa que isso apareça cada vez mais em suas canções.

Em 2019, após alguns singles e clipes, sai o EP Leve. “Foi uma nova experiência sonora, poética, unindo música brasileira a elementos digitais, com músicas feitas durante o período de gestação e puerpério da minha primeira filha”, conta Marina. “Nesse mesmo ano me mudo pra São Paulo e inicio o processo de novas composições que sairão no próximo álbum, previsto pra 2022, ano em que também vou parir mais uma cria”, completa.

Sobre o PITCH DE NOVOS ARTISTAS, Marina conta como recebeu a notícia: “Foi  pelo whatsapp, uma pessoa que viu e veio correndo me contar! Confesso que eu não estava tão esperançosa, escrevi sozinha, nem avisei ninguém rs. Aí já fui pras redes sociais da SIM ver com meus próprios olhos! São 10 minutos, né… então optamos por fazer ao vivo uma fusão de duas músicas que sintetizem sonoridade e temas que temos como foco nesse momento”, conta a cantora que fala sobre a importância de sua participação: “Já tive a oportunidade de assistir ao vivo alguns Pitchs e sempre quis estar ali. Sinto que agora estou mais pronta, ainda bem que não foi antes. Acho uma oportunidade incrível poder mostrar o que temos feito aqui no Brasil, ainda mais sendo uma artista do centro oeste que não atua na música sertaneja. É uma oportunidade valiosa pra artistas independentes, sem grandes investidores. Estou feliz e ansiosa pra sintetizar em 10 minutos um pouco do que fazemos, mesmo achando bem desafiador. Espero conseguir, junto à minha banda novíssima, dividir o que temos de especial pra mostrar pro mundo”.

Boa sorte pra você Marina!

Ouça aqui mais músicas de Marina Peralta:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ SIM NEWS

pt_BRPortuguês do Brasil