VEJA QUAIS SÃO OS DOZE CANDIDATOS A PROJETO DO ANO NO PRÊMIO SIM

Hoje você poderá conhecer os 12 indicados que concorrem pela categoria Projeto do Ano, no Prêmio SIM 2020, que irá contemplar um trabalho que se destacou. Uma campanha de marketing, um festival, um projeto artístico inovador, um novo movimento musical, vale tudo, desde que o tema central seja a música e que tenha causado um impacto positivo no mercado no último ano.

E quem define o vencedor é você. Escolha o seu predileto e vote aqui nesse link.

A quarta edição do Prêmio SIM é uma homenagem a todas as pessoas, projetos, iniciativas, empresas e ideias que mantiveram a MÚSICA VIVA em 2020. A cada dia publicaremos, aqui no portal, uma lista detalhada dos indicados em cada uma das dez categorias. Os vencedores serão conhecidos em uma cerimônia no transmitida aqui no Portal da SIM.

 

INDICADOS A PROJETO DO ANO:

 

AMARELO – É TUDO PRA ONTEM // Documentário concebido pelo rapper Emicida, joga luz sobre a história da cultura brasileira e evidencia acontecimentos e personagens negros responsáveis pela formação histórica e cultural do país, mas que foram invisibilizados ao longo dos anos. O artista costura a narrativa com o show que fez no Theatro Municipal de São Paulo em novembro de 2019 para o lançamento do disco de mesmo nome.

SAIBA MAIS EM https://www.netflix.com/title/81306298

 

ASSIM TOCAM OS MEUS TAMBORES // Projeto que acompanhou todo o trabalho de concepção, gravação e mixagem do novo álbum do rapper carioca Marcelo D2, através de mais de 100 horas de transmissões ao vivo pela plataforma Twitch. Durante o processo, os fãs puderam acompanhar, interagir e colaborar com o desenvolvimento do álbum, que incluiu participações de diferentes músicos e produtores.

SAIBA MAIS EM https://www.youtube.com/watch?v=XRyPN6oiPdM

 

ATÉ O FIM, CANTAR // Projeto da Casa de Francisca, espaço de shows paulistano, que entre julho e novembro de 2020 realizou 20 apresentações musicais transmitidas ao vivo, sempre com a direção de um cineasta, promovendo um encontro entre as duas linguagens como nas apresentações de Tulipa Ruiz e Gal Costa sob o olhar de Laís Bodanzky, ou Linn da Quebrada por Diego Paulino.

SAIBA MAIS EM https://cine.casadefrancisca.art.br/app

 

 

COQUETEL MOLOTOV.EXE // Formato online e imersivo do festival pernambucano e um dos primeiros de 2020 que mimetizou um evento físico no ambiente virtual, com a programação em quatro salas diferentes durante 12 horas de música. Além dos shows, palestras, encontros e oficinas mostraram a importância da comunidade musical em época de isolamento social. Também criou o Call Center, encontros online para o debate, e duas imersões com seu público para discutir o que esperavam do Coquetel e outros festivais nesse momento.

SAIBA MAIS EM https://www.instagram.com/noarcm/

 

FESTIVAL MARSHA! // Primeiro Festival LGBT online feito por pessoas trans e realizado como estratégia de sobrevivência frente à pandemia do Covid-19, gerando visibilidade, conexão, renda e subsídio entre a comunidade LGBTQIA+. A programação contou com quatro edições do evento: MARSHA! ENTRA NA SALA (3 e 4 de abril), MARSHA! ENTRA NO CCSP (18 a 22 de maio), TAKANIGHT ENTRA NA MARSHA! (4 e 5 de junho, voltado à produção do Norte do país) e MARSHA PRIDE! (26, 27 e 28 de junho, com Mídia Ninja, Afrobapho e outros coletivos brasileiros).

SAIBA MAIS EM https://www.youtube.com/channel/UCYnQ21AkPO8Jcot86mpEBCw

 

FIVELA FEST // Primeiro Festival Queernejo do Brasil, anunciado na SIM São Paulo 2019. Através do encontro e articulação de Gali Galó, Gabeu e Alice Marcone, a primeira edição do evento reuniu, em formato online, shows dos três artistas e mais de Bemti, Zerzil, Reddy Allor e Mel & Kaleb. A edição também teve debates sobre masculinidade tóxica, mulheres nos bastidores do sertanejo, transgeneridades e negritude no sertanejo.

SAIBA MAIS EM https://www.instagram.com/fivelafest/?hl=pt-br

 

LATINIDADES PRETAS // Plataforma online criada com uma ação colaborativa entre o Instituto Feira Preta e o Instituto Afrolatinas com o objetivo de reunir conteúdos, gerar renda e dar apoio a empreendedoras e empreendedores negros, trabalhadores da cultura e da economia criativa, além de reduzir os impactos econômicos causados pelo Covid-19 e criar um espaço para abrigar portfólios.

SAIBA MAIS EM https://www.latinidadespretas.com/

 

MUSEU ITAMAR ASSUMPÇÃO // Museu Virtual dedicado à memória do cantor e compositor Itamar Assumpção. Com mais de 2 mil itens, tem uma mostra permanente e exposições de curta duração. O museu, dirigido por Anelis Assumpção, conta também com um espaço de contemplação das culturas de matriz africana, através de uma imersão digital no disco Ascensão, uma homenagem à Serena. O site pode ser acessado em quatro línguas, incluindo o Yorubá.

SAIBA MAIS EM https://www.itamarassumpcao.com/

 

SE RASGUM TV SHOW // Versão televisiva do Festival paraense. Com foco na cultura local, reuniu novos músicos locais e nomes consagrados. Inspirado nos talk shows da TV, o evento inovou no formato para apresentar sua programação artística e conteúdo profissional. Foi dividido em três programas com blocos de músicas, entrevistas e quadros especiais que foram transmitidos gratuitamente no Youtube do Festival Se Rasgum, da Natura Musical e no Portal da SIM São Paulo.

SAIBA MAIS EM http://serasgum.com.br/evento/serasgumtvshow/

 

UH! MANAS TV // Canal produzido por mulheres exibido através da plataforma Twitch, reúne trabalhos de DJs, artistas e produtoras, transformando o ambiente virtual em um local permanente de trocas musicais e políticas, estimulando a reflexão sobre o papel da mulher na cadeia artística cultural e as desigualdades inerentes no recorte da discotecagem e produção independente.

SAIBA MAIS EM https://www.youtube.com/channel/UC1Za16PJ3gkAPoI7uC1FC9g

 

VERTICAL DE MÚSICA DA TWITCH // Em 2020, já aclamada pela comunidade gamer, a Twitch efetivou sua ação de música com criação de canais de músicos, bandas, selos, festivais e DJs na plataforma, possibilitando a criação de comunidades e uma maior interação entre artistas e fãs, que podem acompanhar seus ídolos em atividades além do conteúdo musical. A plataforma possibilitou novas formas de monetização para o mercado musical e potencializou programações inovadoras, como o Lab Fantasma TV, canal voltado para a música e cultura negra.

SAIBA MAIS EM https://www.twitch.tv/p/pt-br/legal/community-guidelines/music/

 

WME AWARDS BY MUSIC2! // Quarta edição do primeiro prêmio totalmente dedicado às mulheres do universo da música, que em 2020 contemplou mais de 1500 profissionais em 15 categorias. A versão digital da premiação juntou um time de peso de artistas de estilos e realidades diversas em apresentações especialíssimas gravadas no Auditório Ibirapuera, em São Paulo. O evento foi transmitido pelo segundo ano pelo canal TNT e o projeto impactou cerca de 35 milhões de pessoas e empregou 300 profissionais direta e indiretamente.

SAIBA MAIS EM https://premio.womensmusicevent.com.br/2020/

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Categorias:

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ SIM NEWS

pt_BRPortuguês do Brasil